Como lidar com o estresse e o que ele pode nos causar

26 de setembro de 2018

Dizem que o estresse é o mal do século. Um problema que atinge um grande número de pessoas, em todo o mundo, todos os dias. Segundo a Associação Internacional do Controle ao Estresse, o Brasil é o segundo país mais estressado do mundo. Mas, como lidar com o estresse na era da velocidade?

Embora pareça algo comum – considerando que somos cobrados cada vez mais em diferentes aspectos – é preciso atenção. Afinal, o estresse também é sinal de que o nosso próprio corpo não está conseguindo lidar com as pressões externas. E muitas vezes pode ser confundido com raiva ou frustração passageira.

Preparei este conteúdo para falar um pouco sobre as causas do estresse, seus sinais, consequências e como tratar o problema. Fique por dentro!

 

Quais são as causas do estresse?

Vários são os fatores que causam o estresse. Vejo muito isso nos meus pacientes. Estresse em razão de problemas financeiros, impaciência com o trânsito, problemas familiares e excesso de trabalho são as queixas que mais escuto. Mas também podem aparecer, por exemplo, em jovens que estão prestes a prestar vestibular, e até mesmo em pessoas que foram assaltadas.

O que muita gente não sabe é que são os hormônios do estresse, como a adrenalina e o cortisol, que afetam nosso organismo. Quando esses hormônios são produzidos em condições normais contribuem para o correto funcionamento de nosso corpo. Eles nos mantêm alertas, aumentam nossa pressão sanguínea, levam mais oxigênio para os músculos e nos fazem reagir mais rápido contra os perigos. Nos preparam para lutar, caçar, correr… (Bem, saímos das cavernas, nossa caça hoje é no supermercado, as brigas são no trânsito … mas nossa biologia é a mesma).

Nosso grande problema atualmente é que nos estressamos com muita frequência. É o trabalho, o dinheiro, a falta de tempo de fazer tudo. Acrescente a isso o pouco relaxamento e compensação a tanto aborrecimento e teremos a equação perfeita para o desequilíbrio dos hormônios do estresse.

 

10 sinais de estresse que você não pode ignorar

Aprender a reconhecer os sinais pode te ajudar no controle da situação. Alguns exemplos:

 

  • Aumento da frequência cardíaca, pressão arterial e atividade cerebral.
  • Azia, gastrite, úlcera ou má digestão.
  • Dor de cabeça intensa.
  • Músculos tensionados, principalmente nos ombros e nas costas.
  • Pupilas dilatadas.
  • Respiração mais rápida que o normal e ofegante.
  • Suor acima do comum nas mãos e nos pés.
  • Queda de cabelo
  • Perda ou diminuição da libido.
  • A longo prazo, você pode até sentir que está mais envelhecido.

 

 

Quais são os males que o estresse pode causar?

Muitos pacientes me perguntam se é verdade que o estresse pode causar infarto, fazer cair o cabelo, afetar negativamente a aparência ou dar tontura. Infelizmente, a resposta é sim para todas essas dúvidas. O estresse pode até mesmo levar à morte.

Quando os hormônios do estresse enviam o alerta de perigo para o cérebro, ele deixa o corpo em estado e excitação”. As pupilas dilatam, a respiração e os batimentos cardíacos aceleram. E esse aumento da pressão arterial pode ocasionar um AVC ou um infarto. O alerta, na forma de “estresse”, foi dado pelo corpo. Mas muitos não acreditam nas consequências. Acham que essas coisas só acontece com “os outros” Aí…

 

De acordo com dados do Ministério da Saúde, o estresse é o quarto maior fator de risco para doenças cardiovasculares no Brasil.

Por isso é de extrema importância tomar algumas medidas para aprender como controlar o estresse e aliviar seus sintomas. Continue a leitura que vou mostrar quais são elas, a seguir.

 

Como lidar com o estresse ou pelo menos diminuir os seus efeitos?

Se você se perguntou como acabar com os efeitos do estresse precisa saber que não existe uma solução única. Cada um de nós tem seu próprio limite de tolerância. Basta extrapolar esse limite que os sinais certamente vão aparecer.

A boa notícia é que existe, sim, formas de diminuir seus efeitos. Para reagir melhor aos sinais de estresse a dica de ouro é procurar manter hábitos mais saudáveis.

Com um estilo de vida focado na sua saúde e bem-estar você terá mais calma e equilíbrio para saber como lidar com o estresse no trabalho, em casa, ou onde for. Afinal, existem situações em que não temos nenhum poder para mudar. Mas mudar a nossa postura em relação a elas pode realmente fazer a diferença!

Recentemente recebi uma paciente que, como ‘válvula de escape” para se acalmar nas situações de estresse, recorria à comida. O que resultou em ganho de peso, perda da autoestima e outros problemas de saúde.

Muitas pessoas adotam outros hábitos também muito prejudiciais à saúde, como beber e fumar, com a mesma finalidade. Não enfrentam ou resolvem os problemas. E então recorrem a essas formas de anestesia… Mas, infelizmente, além de não atacarem as causas, não controlam seus efeitos, e assim acabam gerando ainda mais estresse. E, quando se dão conta, são acometidas por outras doenças, essas relacionadas ao estresse ou aos efeitos dos maus hábitos que adotaram.

 

Aprenda a encarar situações de estresse de modo positivo

Existem técnicas de gerenciamento de estresse que podem ajudar você a se sentir melhor. Praticar meditação e exercícios físicos para aliviar o estresse são muito eficazes. Ajudam não só o seu corpo e mente a se acalmarem, mas ainda beneficiam diretamente a sua saúde física e o seu bem-estar. Eu mesma intercalo o Crossfit com a Yoga. Recomendo, fortemente. Outra coisa: mude a forma com a qual encara situações desafiadoras!

Outra dica que pode ajudar a aliviar o estresse é controlar a sua respiração. Quando você respira fundo, por exemplo, envia automaticamente para o seu cérebro a mensagem de que está calmo. E assim começará a se sentir, em poucos segundos. Se combinar com exercícios de meditação, melhor ainda.

Saber como lidar com o estresse da melhor forma otimiza o seu tempo e melhora a sua qualidade de vida. Fique à vontade para compartilhar esse conteúdo com aqueles amigos que ainda não sabem como controlar o estresse do dia a dia. E continue acompanhando dicas para potencializar a sua saúde aqui no blog, no Instagram e também pelo Facebook.

 

Mais artigos que podem te interessar

Ficou com alguma dúvida?

Para esclarecer qualquer dúvida ou entender melhor como podemos atender às suas necessidades, entre em contato com a nossa equipe. Será um prazer poder ajudar você a conquistar um melhor estilo de vida!

  • Rua Jardim Botânico, 568 - Sl. 212
  • Jardim Botânico - RJ
  • (21) 2249-5001
  • (21) 2535-8862
  • (21) 9 8802-4293

× Contato via WhatsApp!